Os Filhos das Estrelas

Filhosdasestrelas_g
Título: Os Filhos das Estrelas
Autor: Maria Teodora Ribeiro Guimarães
Coautor: Sem coautor
Formato: 14x21cm
Páginas: 272
Categoria:
Capa: 4 cores (Laminação fosca)
Acabamento: Costurado e Colado
ISBN: 85-87619-64-7
Edição:
Lançamento: Já editado
Preço: R$ 50,00


Quero comprar este livro.

Sinopse: Há milênios do nosso tempo, há milhares de anos-luz de distância, numa constelação longínqua, no grande planeta das estrelas gêmeas, vivia o personagem de Leo. Numa época em que nossos espíritos ainda vagavam pelas estrelas.
Este é o relato inédito do mais ancestral capítulo de nossa história sideral - a história de milhões de espíritos desta humanidade: os exilados de Capela. É a saga de seus erros e sofrimentos, até o exílio doloroso na Terra, desde as civilizações lemuriana e atlante.
Por meio da Terapia de Vida Passada, Leo, um desses exilados, recorda suas vivências naquele mundo feliz, e reconstrói o cenário de avançada tecnologia e o evoluído modelo social, em que as viagens e estações espaciais ao esplêndido nível científico conviviam com uma ética espiritual elevada. Um paraíso perdido, que no fundo da consciência dos exilados permaneceria pelos milênios afora, sendo origem de mitos e de lendas.
A história de Leo, o exilado, é a história de muitos de nós; talvez a sua própria, leitor, que irá reencontrar nela os ecos do sentimento de nostalgia indefinida que permanece no fundo da alma desses filhos das estrelas.
Neste relato absolutamente inédito e único da literatura, pela primeira vez em nossa história se tem o depoimento pessoal autêntico de um capelino exilado, a descrição da vida naqueles mundos, os cenários de sofrimento do Astral, o exílio e a transmigração para a Terra.
Este livro é único. Mas ele irá tocar seu coração por ser profundamente verdadeiro. Não será esta, talvez, uma parte de sua própria história sideral?


Conheça mais sobre esta obra clicando aqui.

Compartilhe:

  

Você também poderá gostar de:

  egito_eterno_02  viajantes_02  ay-mhores_02  tempo_g 


Era uma vez um espírita

Paz e Amor, Bicho!