Urânia

urania_02
Título: Urânia
Autor: Camille Flammarion
Coautor: Sem coautor
Formato: 14x21cm
Páginas: 168
Categoria:
Capa: 4 cores (Laminação fosca)
Acabamento: Cola PUR
ISBN: 978-85-7618-251-1
Edição:
Lançamento: Novembro de 2011
Preço: R$ 45,00


Quero comprar este livro.

Sinopse: Urânia era, na Grécia Antiga, a musa da Astronomia que presidia ao céu estrelado. Uma estatueta da deusa, tão perfeita que mais parecia animada, inspirou a um jovem estudante do Observatório de Paris uma devoção próxima do amor. Então ele é levado por ela, numa visão, a uma viagem desbravadora pelo Cosmo. Assim começa a narrativa encantadora de Camille Flammarion, que nos convida a participar dessa viagem pelo espaço estelar, guiados pelas mãos de Urânia.
Com dois séculos de antecedência, ele compõe a mais inspirada visão da cosmogonia, em que intui uma perspectiva do espaço celeste, dos mundos do Universo, das galáxias e estrelas, que nos encanta e inspira como uma revelação, justificando a fama duradoura de que goza esta obra.
A narrativa prossegue com a história de George, o amigo dileto do nosso herói, homem obcecado pelo estudo dos mistérios do Universo e da alma, e da terna paixão que o une a Icleia, jovem norueguesa que partilha de suas ansiedades metafísicas.
A descrição deste romance delicado e intenso permite a Flammarion desenvolver, em diálogos ricos de conhecimento, reflexões que partem da visão científica para os altos voos do espírito em busca da verdade. O desfecho aventuroso conduz a narrativa a um incrível testemunho da imortalidade, calcado nos fenômenos que o autor exaustivamente pesquisava, e no que foi um dos maiores vultos do espiritismo nascente.
Urânia é um clássico, uma obra consagrada da literatura espiritualista, que já encantou gerações de estudiosos. Ao ser envolvido pelo seu encanto, o leitor entenderá por quê.


Conheça mais sobre esta obra clicando aqui.

Compartilhe:

  

Você também poderá gostar de:

  a_outra_021  as_forcas_02  Novaera_g  a_liberdade_02 


Era uma vez um espírita

Paz e Amor, Bicho!